Ele esqueceu onde colocou seu coração ou seu amor. 
Ele esqueceu, mas talvez, ele não queira lembrar. 
Existiu choro... lágrimas. 
O inferno das palavras esquecidas. 
Mas, ele não viajaria pra tão longe. 
Ele esqueceu as memórias e o tempo. 
O tempo... talvez o tempo passe menos do que o tempo. 
O mundo pode continuar. 
As palavras podem ser mais fortes. 
Ele esqueceu e esse é o ponto principal. 
Onde está a razão? 
Ele apenas esqueceu e não quer lembrar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Beijo egípcio

Soneto da alegria