Numa rua qualquer

Paro
Viro
Reviro
Penso
Falo
Calo
Esqueço
Brindo
Bebo
Engulo
Pisco
Olho
Rio
Sento
Levanto
Piso
Almejo
Ataco
Defendo

Faço muitos verbos existirem, porém continuo no mesmo lugar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Beijo egípcio

Soneto da alegria