Por ti, poesia

Um brinde para a poesia, 
que destrói a solidão e 
dá vida ao coração. 
Um brinde a tudo que o amor 
constrói e a tudo que o 
mundo tenta destruir.
Um brinde a paixão, 
ao gosto do prazer, 
ao toque e ao beijo. 
Um brinde pelas taças que se tocam, 
com juras de eternidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Beijo egípcio

Soneto da alegria