A primeira vez ...


            A primeira vez foi totalmente diferente do que imaginávamos. Estávamos nervosos com a tensão , mãos suando e tremendo. Havíamos pensado naquilo. Pensamos naquilo o dia inteiro e a semana toda. Apenas queríamos ardentemente saber mais sobre , pois éramos os únicos por fora e os que sempre ficavam a ver navios quando o assunto era iniciado. Fazia parte da modernidade , portanto paramos no tempo. Por estarmos namorando há muitos anos , decidi que era a hora certa , não querendo mais esperar.
        Nossos olhares se misturavam naquela tarde e os pensamentos giravam alucinadamente , causando sede . Os reflexos estavam pesados de culpa , por só querer manter o controle e dar o melhor de si. O momento poderia ser enlouquecedor , inesquecível ou simplesmente ALGO! Eu com minhas roupas simples , mas intenções nobre... ela com um vestido azul e sapatos. ´´Linda combinação !``, pensei , quando chegamos na porta. O frio na barriga foi inevitável , fazendo-nos sentir diversos cheiros misturados e uma sensação de quase poder flutuar. Fui um cavalheiro , abrindo a porta para ela entrar , seguida por mim. Nos tranquilizamos quando o bom homem nos deu boa tarde e aliviados , com o sentimento de missão cumprida , ao rasgar os bilhetes e dizer: -Bom filme !

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Beijo egípcio

Soneto da alegria